De volta ao topo

O que é uma “sessão” de escleroterapia? Qual preço da sessão de aplicação de vasinhos?

Qual o preço da sessão de aplicação para vasinhos?

O que é combinado não é caro. E o barato pode sair caro. Entenda como funciona a proposta de sessões de seu cirurgião vascular, entenda as dificuldades e limitações não só do procedimento, mas do modo de pagamento.

O tratamento escleroterápico visa a melhora da circulação local com consequente melhora estética dos famigerados vasinhos que infestam as pernas. A maioria dos convênios não cobre o tratamento, enquanto alguns oferecem tratamento bem limitado. Não se engane ao fechar contrato com operadora com esse argumento.

São muitas as variáveis no tratamento venoso que podem ser mensuradas e utilizadas para definir o custo: tipo de veia, área a ser tratada, tipo e quantidade de substancia, numero de disparos de laser, número de picadas, tempo do médico, e outras.

Tipo de veia: veias vermelhas, teleangiectasias, reticulares, varicosas. Todas elas influenciam a sessão de escleroterapia, mas calcular uma a uma seria um trabalho maior do que a própria sessão em si.

Área: a área a ser tratada pode parecer uma boa medida, ou seja, se temos duas coxas a serem tratadas o valor é o dobro de uma coxa. Pode parecer simples, mas existe a densidade e complexidade dos vasos na região, às vezes são mais fáceis e outras vezes mais difíceis.

Tipo e quantidade de substância: alguns médicos optam por fazer da sessão uma “ampola” ou medida do medicamento. E cada medicamento com valores diferentes. E o que fazer quando falta ou sobra medicamento para a sessão? A medicação não pode ser guardada para depois. E a medida que o tratamento vai avançando e as veias melhorando, menos substância é necessária, porém sua aplicação se tarna mais difícil. Portanto não é um bom método para definir o que é uma sessão.

Número de disparos do laser: quando se usa equipamentos de laser é possível ter um número bem definido que é o numero de vezes que o laser foi ativado. É um bom método para estimar o custo. Permite a comparação fácil entre serviços. O equipamento de laser possui um numero de disparos pre determinados antes de começar a falhar e precisar de troca, por isso é fácil calcular o custo.

Tempo do médico: este deveria ser o melhor método para se definir o que é uma sessão, pois todo o conhecimento do médico esta sendo aplicado no tempo que ele necessita para fazer o procedimento. Mas, como não ter a sensação de que o médico esta sendo lento ao preparar o material ou ao examinar? A necessidade de ganhar a todo custo faz com que o paciente ache que o tempo pago esta sendo desperdiçado se o médico para para examinar, para trocar o material ou mudar a técnica. Talvez nossa cultura não facilite a aceitação desse modo de mensurar uma sessão.

Converse com seu médico, entenda como ele estipula uma sessão, que pode ser completamente diferente de outro. Não é fácil a comparação de preço e sessões entre médicos, exatamente porque não existe padronização da cobrança da sessão. Entenda que quando alguns precisam de 30 sessões para resolver um problema, outros podem necessitar de 3 sessões. Tudo depende do tempo e técnica investida em cada situação.

Portanto, o barato pode sair caro. Se a sessão for bem baratinha, mas precisar de dezenas delas, pode ficar muito mais caro no final do que um tratamento bem mais caro por sessão, mas que precisa de poucas sessões.

Lembre-se que ao considerar o tempo de uma sessão, o seu tempo gasto deve contar com o tempo de ida e volta ao consultório. Ou seja, para cada ida ao consultório, o seu tempo gasto também é importante (transporte, espera, etc), e, um menor número de sessões diminuiria esse gasto. Por isso, para economizar no valor total, procure fazer sessões maiores, com técnicas eficazes e que permitem bom controle do que foi feito.

Converse sempre com seu vascular.

 

Average: 5 (1 vote)

Autor

Prof. Dr. Alexandre Amato: Cirurgião Vascular em São Paulo

Prof. Dr. Alexandre Amato
Cirurgião Vascular, Endovascular e Ecodoppler
Tratamento de varizes com laser(11) 5053-2222
Tudo sobre varizes e doenças vasculares
vascular.pro
Clínica de Cirurgia Vascular: Tratamento de VarizesAv Brasil, 2283, São Paulo, SP
FacebookTwitterYoutubeLinkedin

 

Amato, ACM. Cirurgia Vascular: O que você não pode ignorar. 1ª. edição. 2017
Amato, ACM. Procedimentos Médicos: Técnica e Tática. 2ª edição. 2016. Roca 
Amato, MCM. Manual do Médico Generalista na era do conhecimento. 2014. Roca