Proteja seus vasos: Doença arterial periférica

O sistema circulatório
()
()

Proteja sua saúde vascular

Doença Arterial Periférica

O que é doença arterial periférica?

Suas artérias fornecem sangue rico em oxigênio do seu coração para outras partes do seu corpo. Suas artérias periféricas carregam sangue para longe do coração, para os braços e as pernas. As artérias periféricas em suas pernas são extensões da maior artéria em seu corpo, a aorta. A aorta percorre a sua região abdominal e se ramifica para as artérias ilíacas de cada perna. As artérias ilíacas dividem-se em artérias menores e liberam o sangue pelas suas pernas, para os dedos dos pés. Artérias periféricas saudáveis são lisas e sem obstruções, permitindo que o sangue flua livremente nas pernas e forneça oxigênio, glicose e outros nutrientes que suas pernas precisam. Normalmente com a idade, as artérias periféricas acumulam placa aterosclerótica, uma substância pegajosa, composta principalmente de gordura e colesterol. A placa estreita a passagem dentro das artérias e faz com que elas se tornem rígidas. Resultando em doença arterial periférica quando as artérias periféricas se tornam muito estreitas ou obstruídas e limitando o fluxo de sangue para as pernas. Se ficar sem tratamento, a doença arterial periférica pode causar desconforto ou dores nas pernas, dificuldade para andar, dor no pé durante o descanso à noite na cama, feridas que não se curam ou infecções nos dedos dos pés ou nos pés e pode levar à perda do membro em sua forma mais grave. Além disso, pode ser associada com outras doenças arteriais graves levando a ataques cardíacos e derrames.

Causas e fatores de risco

  • Idade
  • Gênero — os homens são mais propensos à condição que as mulheres
  • Hipertensão (pressão alta)
  • Diabetes
  • Fumar
  • Colesterol alto
  • Obesidade
  • Falta de exercícios
  • Histórico familiar de problemas vasculares
Proteja sua saúde Vascular Por favor ligue para qualquer dúvida:

Sintomas

Pode não haver nenhum sintoma nos estágios iniciais da doença arterial periférica. Desenvolver os sintomas pode incluir desconforto ou dor nas pernas ao caminhar, mas sem dor quando você descansa.
LEIA TAMBÉM:  Aneurisma de artéria Renal
LEIA TAMBÉM:  Entrevista sobre estenose de carótida

Diagnóstico

Pode ser estabelecido o diagnóstico de doença arterial periférica, e sua gravidade confirmada, por um exame Doppler simples, não invasivo. Se você sentir sintomas de doença arterial periférica nas pernas, consulte um cirurgião vascular. Eles são os únicos médicos hoje que tratam a doença vascular periférica, que podem realizar todas as opções de tratamento disponíveis, incluindo gestão médica, procedimentos de angioplastia endovascular minimamente invasiva e procedimentos de stent, e cirurgia de ponte aberta. Somente quando você consultar um cirurgião vascular, que oferece todas as modalidades de tratamento é que você terá a certeza de receber o cuidado que é mais adequado para sua condição.

Tratamento

Dependendo da gravidade de sua condição, as opções de tratamento podem incluir mudanças de estilo de vida, medicamentos, angioplastia minimamente invasiva / implante de stent, ou a cirurgia de ponte aberta. Cirurgiões vasculares são os únicos médicos que tratam doença vascular hoje, que podem executar todas as opções de tratamento disponíveis, incluindo gestão médica, procedimentos endovasculares minimamente invasivos, incluindo stent, aterectomia e angioplastia com balão, e reparo cirúrgico aberto, incluindo ponte. Somente quando você consultar um cirurgião vascular, que oferece todas as modalidades de tratamento, você terá certeza de receber os cuidados mais adequados para a sua condição.  

O que você achou deste artigo?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil…

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

LEIA TAMBÉM:  Capitulo publicado em livro internacional!

O que você achou deste artigo?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

nv-author-image

Alexandre Amato

O Dr Alexandre Amato é médico, professor de cirurgia vascular da Universidade de Santo Amaro (UNISA), e tem quatro especialidade médicas reconhecidas pelo MEC e respectivas sociedades: cirurgião geral, cirurgião vascular, angiorradiologista e ecografista. Formou-se na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e especializou-se em vários hospitais privados e públicos em São Paulo. Aprofundou-se em cirurgia vascular em Milão, no hospital San Raffaele da Università Vita-Salute. Quando voltou, fez seu doutorado em cirurgia cardiotorácica na Universidade de São Paulo (USP). Fundou a Associação Brasileira de Lipedema para divulgar conhecimento de qualidade às mulheres portadoras de Lipedema.