Lipedema e o coronavírus

()
Esperamos que todos estejam saudáveis e bem nesse momento crítico. Gostaria de informar que o lipedema NÃO é fator de risco para o coronavírus. Quem possui lipedema não tem risco maior de contrair o vírus, e quem contraiu o vírus não tem risco maior de complicação grave por causa do lipedema. Mas… o lipedema muitas vezes vem acompanhado de outras comorbidades (doenças associadas), como obesidade, diabetes, asma, idade avançada, que não tem relação direta com o lipedema, mas sim, podem agravar a evolução da doença. Sugerimos não realizar procedimentos eletivos de lipedema (lipoaspiração) no momento e aguardar o restabelecimento da segurança para voltar ao planejamento cirúrgico. Isso não significa que devem abandonar o tratamento. Esse é o momento para aumentar a dedicação ao tratamento clínico e auto-conhecimento. Algumas dicas:
Dieta: objetivo principal não piorar a dieta anterior, objetivo secundário melhorar a dieta anterior. Coma saudável. Aproveite para aprender sobre a dieta anti-inflamatória. Aproveite esse tempo para identificar os alimentos pró inflamatórios para você. (http://bit.ly/suadietapessoal). Pode estudar tambem a dieta cetogênica. (https://www.amato.com.br/content/perda-de-peso-rapida-e-dietas-cetogenicas)
Movimente-se: não fique sedentária. Não desista apesar das dificuldades. Aproveite para fazer aulas online de Yoga e Pilates. Existem muitas à disposição. (mas dêem uma olhada em https://lymphaticyoga.net/) A plataforma vibratória é excelente para ser feita dentro de casa.
Elastocompressão: Se você está usando meias elásticas, não deixe de usar porque está em casa. Cuide delas adequadamente para que durem mais. Não compre meias novas online sem saber o modelo e tamanho exato.
Veja sobre as terapias alternativas que à vezes não temos tempo de dar atenção, como a escovação a seco por exemplo (https://vascular.pro/escovacao-a-seco/)
Piora dos sintomas? Bom, se já temos poucos trabalhos sobre lipedema em geral, imagina sobre a relação de lipedema com o coronavirus… Pessoalmente eu acredito que como o covid19 é uma doença inflamatória, ela pode ser um gatilho para os sintomas inflamatórios do lipedema. Mas, se você está nesse grupo, já deve saber e ter lido sobre as mais diversas maneiras de controlar esses sintomas. Se acontecer, não se preocupe. Trate a infecção que é primordial seguindo as orientações do seu médico, e depois, resolvemos os sintomas do lipedema.
Entendemos que o isolamento é dificil para todos, principalmente para as portadoras de lipedema, mas a prioridade é a saúde de todos. Mantenha a saúde mental com rotina de exercícios, estude sobre o assunto, converse com amigas online, resgate um hobbie antigo, leia, escreva, utilize seu tempo de forma a melhorar. Diminua o tempo em mídias sociais e lendo notícias ruins. Sugerimos ler apenas o jornal https://thegoodnewscoronavirus.com/, que apresenta as BOAS notícias.
Se todo mundo fizer sua parte, que é bem simples, retomaremos nossas vidas fora de casa em breve.

O que você achou deste artigo?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

nv-author-image

Alexandre Amato

O Dr Alexandre Amato é médico, professor de cirurgia vascular da Universidade de Santo Amaro (UNISA), e tem quatro especialidade médicas reconhecidas pelo MEC e respectivas sociedades: cirurgião geral, cirurgião vascular, angiorradiologista e ecografista. Formou-se na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e especializou-se em vários hospitais privados e públicos em São Paulo. Aprofundou-se em cirurgia vascular em Milão, no hospital San Raffaele da Università Vita-Salute. Quando voltou, fez seu doutorado em cirurgia cardiotorácica na Universidade de São Paulo (USP). Fundou a Associação Brasileira de Lipedema para divulgar conhecimento de qualidade às mulheres portadoras de Lipedema.

  • […] post Lipedema e o coronavírus apareceu primeiro em […]