De volta ao topo

Vasinhos ocorrem apenas em mulheres?

Homens não são imunes, mas as mulheres procuram mais o tratamento por causa estética. Teleangiectasias em homens são mais visíveis, maiores e mais escuras, e, quando procuram conselho médico freqüentemente é por sintoma como dor ou desconforto.
Na prática o que acontece é que os homens procuram o tratamento tardiamente, frequentemente em fase mais avançada da doença.

 

Dieta e Exercício previnem vasinhos?

A principal causa de teleangiectasias e veias reticulares, os chamados vazinhos é a genética, como já elucidado previamente, sendo a gravidez e periodos prolongados de pé fatores agravantes.
Manter o peso ideal ajuda a prevenir uma pressão desnecessária em membros quando de pé, mas dieta e exercício não são fatores diretos.

Sem tratar, vasinhos se tornam varizes grandes ?

Os vasinhos em si não se transformam em grandes varizes, porém, como já dito anteriormente, podem alertar para um problema maior, como uma insuficiência venosa e, nesse caso, se não tratar, as veias podem se tornar varicosas.

O pé diabético tem cura?

O pé diabético não tem cura, mas na realidade é possivel controlar o problema na maioria das vezes, desde que haja muita dedicação do paciente. Somente as orientações médicas e remédios não são suficientes, é preciso comprometimento do paciente com o tratamento. Cuidados com os pés diabéticos.

Como é feito o tratamento do pé diabético?

É imprevisível a evolução das lesões nos diabéticos, particularmente quando se associam à polineuropatia, à vasculopatia e às infecções.
É necessário o controle rigoroso da glicemia através da dieta e de insulina ou hipoglicemiantes orais, bem como da limpeza diária e tratamento precoce das lesões - o mais imediato possível.

Páginas

Subscrever Clínica Vascular SP RSS