De volta ao topo

Laser e Luz Intensa Pulsada

Marque já sua consulta com o vascular

Laser e Luz Intensa Pulsada

Uma das tecnologias mais recentes e interessantes para o tratamento de telangiectasias e veias varicosas é o tratamento com laser. O mundo fica fascinado com o uso do laser na medicina, parece que o laser consegue apagar vários problemas médicos com o apertar de um botão, mas você já se perguntou o que o laser realmente é?
Sabe-se que a luz do sol é composta por várias diferentes cores de luz, se você olha essa luz solar através de um prisma você verá um efeito muito interessante que é quando um pequeno raio de luz é dividido nas diversas cores do arco-íris, sendo que cada cor do arco-íris é criada por uma luz de um diferente comprimento de onda.
Cada comprimento de onda permite que a luz penetre em uma profundidade bem particular do nosso corpo, atingindo diferentes tecidos. O termo LASER é um acrônimo que significa: amplificação da luz por emissão estimulada de radiação. Os lasers são uteis na medicina porque comprimentos de ondas individuais de cada luz podem ser focadas em um tecido particular e a radiação dessa luz irá esquentar e destruir somente esse tecido num processo chamado de termólise seletiva. Com esse conhecimento o campo do laser na medicina nasceu e lasers são então utilizados de várias maneiras, incluindo a destruição de células do sangue abaixo da pele, esticando a pele ao estimular a produção do colágeno ou aquecendo os folículos pilosos para remover pelos indesejáveis.
Alguns comprimentos de onda da luz de laser afetam as células sanguíneas, mas não a pele ou cabelo, outros lasers podem destruir pêlos, mas não células do sangue e a pele.
Luz Intensa Pulsada
A luz intensa pulsada é uma alternativa para o laser convencional e pode ser usada para tratar telangiectasias e veias varicosas de um modo similar. A diferença entre a terapia com laser e a luz intensa pulsada no tratamento das telangiectasias e veias varicosas é descrita abaixo.
Os especialistas em veias utilizam o laser de duas maneiras diferentes: para destruir as telangiectasias e veias reticulares visíveis embaixo da pele ou para destruir vasos mais profundos com o laser através de uma fibra ótica dentro dessa veia e então tratar a veia por dentro, fazendo com que eles se fechem. Tratamentos estéticos com laser são relativamente fáceis de fazer, mas requerem uma quantidade de planejamento, experiência, técnica, e responsabilidade muito grande, depois de uma ampla avaliação das telangiectasias e das veias reticulares abaixo da sua pele, o cirurgião vascular vai determinar qual das veias deve ser tratada com laser e qual laser irá servir melhor para determinado tamanho e localização de veia.
Telangiectasias e veias reticulares, normalmente requerem lasers com comprimentos de onda diferente, se você é propenso a hiper ou hipo-pigmentação que é a descoloração da pele ou a coloração com outros tons, seu especialista em veias pode recomendar um tratamento com cremes antes, se usado com antecedência isso pode prevenir a complicação chamada como hiper-pigmentação pós inflamatória, pergunte para o seu cirurgião vascular, se é indicado no seu caso. Seu tom de pele o uso de alguns medicamentos que aumentam a sensibilidade ao sol e o nível de atividade pode influenciar na decisão de usar um clareador de pele tópico.
Durante a sessão com tratamento com laser o cirurgião vascular irá direcionar o raio do laser sobre as áreas das veias indesejadas, o raio do laser vai ativar em milissegundos pulsos de luz que são detectados como flashes de luz, os pacientes necessitam usar óculos protetores para prevenir dano nos vasos sanguíneos dentro dos nossos olhos, os flashes do laser são sentidos na superfície da pele, a maior parte dos pacientes comparam a sensação como um estalar de um elástico na pele seguido de uma pequena queimação ou coceira, a superfície da pele fica vermelha e edemaciada na maior parte dos casos. O laser para tratamento estético de veias pode ser altamente efetivo se não houver insuficiência venosa associada. A associação com a crioanestesia, ou seja, a anestesia pelo frio não só protege a pele dos danos térmicos, como também diminui a sensibilidade a dor. A associação do laser com a escleroterapia e a crioanestesia, o CLaCs é técnica minimamente invasiva para tratamento das veias reticulares e teleangiectasias evitando a cirurgia.
Pacientes podem necessitar múltiplas sessões para limpar as áreas das veias indesejadas, a maior parte dos cirurgiões vasculares concordam que o tratamento das telangiectasias deve ser feito durante a vida toda  e que tratamentos adicionais em intervalos regulares durante a fase adulta, seu cirurgião vascular também pode recomendar o uso da luz intensa pulsada para o tratamento das veias superficiais, a luz intensa pulsada ou IPL, é um tratamento similar ao laser na ação e efeito, na prática ambos, o laser e o IPL, podem eliminar efetivamente as telangiectasias da pele.
Pergunte para o seu cirurgião qual o melhor laser ou IPL para você. Outra área muito interessante do uso do laser na medicina é conhecido como termoablação endovenosa por laser, essa técnica usa um laser especializado e fibras óticas para colapsar e destruir as veias mais profundas da perna e coxa. Assim como laser transdérmico para tratar telangiectasias e reticulares a termoablação por laser endovenoso é usado para aquecer e destruir veias bem especificas que tenha as válvulas não funcionantes, ao destruir essas veias com as válvulas danificas a circulação venosa melhora e o retorno do sangue é facilitado.
 
 
Autor: Prof. Dr. Alexandre Amato

Average: 5 (1 vote)

Marque já sua consulta com o vascular

Autor

Prof. Dr. Alexandre Amato: Cirurgião Vascular em São Paulo

Prof. Dr. Alexandre Amato
Cirurgião Vascular, Endovascular e Ecodoppler
Tratamento de varizes com laser(11) 5053-2222
Tudo sobre varizes e doenças vasculares
www.vascular.pro
Clínica de Cirurgia Vascular: Tratamento de VarizesAv Brasil, 2283, São Paulo, SP
FacebookTwitterYoutubeLinkedin

 

Amato, ACM. Cirurgia Vascular: O que você não pode ignorar. 1ª. edição. 2017
Amato, ACM. Procedimentos Médicos: Técnica e Tática. 2ª edição. 2016. Roca 
Amato, MCM. Manual do Médico Generalista na era do conhecimento. 2014. Roca