Lipoaspiração no lipedema

Lipoaspiração para lipedema
()

O primeiro passo para administrar seu lipedema deve ser sempre realizar terapias conservadoras, incluindo: compressão, um plano de alimentação saudável, dieta antiinflamatória, pobre em carboidratos processados ​​e açúcares refinados, exercício físico, respiração profundaDrenagem Linfática, carboxiterapia, suporte emocional, suplementos, medicamentos e escovação a seco. Para atingir os melhores resultados, é necessário acompanhamento com médico especialista em Lipedema/Dercum. No entanto, a lipoaspiração pode ser necessária se você estiver com dor importante, tiver mobilidade e/ou marcha alterada ou sentir tensão em qualquer articulação, como o joelho. Tenha em mente que a lipoaspiração é uma cirurgia, portanto, há riscos envolvidos, incluindo dor pós-operatória, sangramento e infecção.

Lipoaspiração para lipedema não é um procedimento estético. De fato, devido a problemas potenciais de retração da pele, os resultados estéticos podem não ser significativos. Mas a lipoaspiração pode oferecer alívio da dor para os pacientes com lipedema e doença de Dercum. No entanto, isso deve ser feito de uma forma que cause o menor dano possível ao sistema linfático. Nossa equipe é experiente em lipoaspiração para tratamento de distúrbios relacionados à gordura.

Ninguém sabe por que a lipoaspiração funciona para aliviar a dor, já que a massa total removida pode ser bem pequena. Embora a lipoaspiração não seja para perda de peso, alguns especialistas acreditam que o procedimento altera o processamento metabólico, o que faz com que alguns pacientes tenham perda de peso durante os primeiros 18 meses após a cirurgia.

Quase todos os procedimentos de lipoaspiração usam o que é chamado de técnica tumescente para minimizar hematomas, perda de sangue e proteger os vasos linfáticos. Durante a lipoaspiração, o cirurgião satura o tecido com líquido tumescente e anestesia antes de aspirar a gordura.

Muitas técnicas diferentes podem ser usadas durante um procedimento de lipoaspiração. Cada uma tem benefícios e riscos. Lipoaspiração assistida por jato de água, lipoaspiração assistida por ultrassom, lipoaspiração vascular (uma forma de lipoaspiração assistida por ultrassom), lipoaspiração assistida por computador e lipoaspiração assistida por laser são tipos diferentes de dispositivos usados ​​para formar lipoaspiração. O mais importante não é o dispositivo em si, mas sim quem é o cirurgião, como ele é treinado, sua experiência com lipedema e seus resultados.

LEIA TAMBÉM:  Suporte emocional para lipedema

Durante a sua consulta, faça as seguintes perguntas:

  • Eu sou um bom candidato para lipoaspiração para lipedema/Dercum?
  • Como você define um procedimento bem-sucedido – reduz os resultados estéticos, retardando a progressão da doença?

O que você achou deste artigo?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

nv-author-image

Alexandre Amato

O Dr Alexandre Amato é médico, professor de cirurgia vascular da Universidade de Santo Amaro (UNISA), e tem quatro especialidade médicas reconhecidas pelo MEC e respectivas sociedades: cirurgião geral, cirurgião vascular, angiorradiologista e ecografista. Formou-se na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e especializou-se em vários hospitais privados e públicos em São Paulo. Aprofundou-se em cirurgia vascular em Milão, no hospital San Raffaele da Università Vita-Salute. Quando voltou, fez seu doutorado em cirurgia cardiotorácica na Universidade de São Paulo (USP). Fundou a Associação Brasileira de Lipedema para divulgar conhecimento de qualidade às mulheres portadoras de Lipedema.