fbpx

Coceira nas pernas. Suas pernas coçam?

Coceira na perna
()

Sumário

A coceira nas pernas pode ter muitas causas. Pode ser provocada por lesões dermatológicas, questões ambientais ou por doenças vasculares, como a insuficiência venosa crônica, por exemplo. Veja a seguir, uma lista com as razões mais comuns para o incômodo nas suas pernas.

Causas de coceira nas pernas

Pele ressecada, alergias e picadas de insetos costumam causar coceira nas pernas, sendo situações bastante comuns. Contudo, elas não são as únicas. As alterações venosas, como a má circulação nos membros inferiores e as varizes, também contribuem para esse problema.

Doenças 

Essa é a primeira causa de coceira nas pernas. Conheça os exemplos e demais sintomas.

Insuficiência Venosa crônica

A insuficiência venosa crônica acontece quando o sangue não circula livremente pelas veias do corpo, sendo impedido de chegar até alguns órgãos específicos, como o coração. É conhecida, popularmente, como má circulação sanguínea.

  • Eczema venoso

O eczema venoso é uma complicação da insuficiência venosa crônica, também conhecida como dermatite de estase. Os sintomas mais comuns são a coceira nas pernas, vermelhidão, descamação, rachaduras e pequenos ferimentos derivados da irritação constante.

Lipedema

O lipedema também causa coceira nas pernas. A doença se caracteriza pelo acúmulo anormal de gordura na região dos membros inferiores, podendo apresentar nódulos, inchaço, dificuldade para caminhar, dor e cansaço.

A pessoa com lipedema apresenta um corpo desproporcional, com pernas mais gordas e o restante do tronco mais fino.

Alergia

Um dos sintomas mais comuns da alergia é a coceira no corpo. Quando atinge especificamente os membros inferiores, a irritação pode estar relacionada ao uso de alguns produtos ou cosméticos ou também à picada de insetos.

Dermatite

Doença dermatológica que se caracteriza por uma inflamação na pele. A coceira é um dos sintomas mais comuns, além de vermelhidão, descamação, sensação de ardência e erupções cutâneas. Os três tipos de dermatite são:

  • Dermatite de contato

Como o próprio nome diz, é quando a pele sofre irritação por entrar em contato com algum objeto ou substância não aceita pelo corpo.

  • Dermatite atópica

Doença genética, crônica, muito comum em crianças. Além da coceira nas pernas, a pele seca também é um dos sintomas. A dermatite atópica costuma aparecer em dobras grandes do corpo, como joelho, pescoço e braços.

  • Dermatite ocre

A dermatite ocre é uma complicação da insuficiência venosa crônica. São manchas avermelhadas que surgem nas pernas, mais precisamente na região próxima aos tornozelos, em decorrência do acúmulo de sangue na região.

Além de causar coceira, a dermatite ocre também deixa as pernas mais cansadas, a pele espessa e pode evoluir para ferimentos de difícil cicatrização, como as úlceras.

Urticária

A urticária é uma irritação da pele causada por alguma substância com a qual o corpo não consegue lidar muito bem, resultando em coceira, manchas avermelhadas, ardor e queimação. Um tipo comum de urticária é colinérgica, como veremos a seguir.

  • Urticária colinérgica

A urticária colinérgica é a irritação na pele causada pelo aumento da temperatura, muito comum em épocas de tempo quente e seco e também durante a realização de atividades físicas. Provoca coceira e caroços vermelhos na região.

Pele seca ou ressecada (xerose)

A xerose, popularmente conhecida como pele seca, é uma doença causada pela desidratação, muito comum em pacientes com diabetes e idosos cuja pele retém menos água.

Além da coceira e da pele bastante ressecada, outros sinais são a presença de vincos, pele tensa e áspera e descamação.

Escabiose (sarna)

Escabiose é o termo médico usado para designar a sarna. A escabiose é causada por um ácaro que penetra na pele e deposita seus ovos. 

Estes, quando eclodem, liberam larvas que causam coceira, vermelhidão, manchas na pele e pequenos arranhões derivados da coceira. Mãos, punhos, axilas e genitais são as regiões que mais sofrem com a escabiose.

Doenças do fígado

O prurido (coceira) é um dos sintomas mais comuns das doenças que atingem o fígado. A razão para esse incômodo pode estar na redução da formação ou do fluxo do líquido biliar. Em alguns casos, a coceira é tão intensa que pode motivar o transplante do órgão.

Dentre as doenças mais comuns que atingem o fígado estão:

  • Tumores

O câncer de fígado é uma doença comum e causa, além da coceira, dor abdominal, pele amarelada, perda de peso e de apetite, veias dilatadas, náuseas, vômitos, dentre outros sintomas.

  • Cirrose biliar primária

Doença autoimune e crônica que prejudica os ductos biliares. A cirrose é a última complicação da doença que começa com uma inflamação, seguida de fibrose (endurecimento do órgão).

Picada de inseto

As picadas de inseto também podem causar coceira nas pernas e demais regiões atingidas. A coceira, inchaço e a vermelhidão surgem devido a uma pequena alergia, provocada pela saliva destes animais em contato com a pele.

  • Estrófulo

Em alguns casos, essa alergia se torna mais agressiva, resultando em um processo inflamatório que expande o rol de sintomas. É o que chamamos de estrófulo, em que a região afetada apresenta bolhas e dor local.

O estrófulo é muito comum em crianças menores de 7 anos e evitar a exposição a insetos é a melhor maneira de prevenir essa inflamação.

Neuropatia diabética

Degeneração dos nervos que compõem a região dos membros inferiores de pacientes portadores de diabetes. Além de coceira nas pernas, a doença também provoca dor, dormência e falta de sensibilidade.

Líquen plano

Doença dermatológica que atinge diversas regiões do corpo, como genitais, cavidade bucal, unhas, pele e cabeça. 

A coceira é um dos sintomas mais fortes da doença, mas também podem surgir manchas arredondadas e avermelhadas, listras brancas, pequenas bolhas, dor local e brilho intenso.

Fungos

A presença de fungos na pele, estimulados pelo suor e pelas altas temperaturas causam coceira, vermelhidão, pequenos arranhões na pele e descamação. Uma doença comum causada pelos fungos é a tinea cruris.

  • tinea cruris

A tinea cruris é um tipo de infecção cutânea causada por um fungo chamado Trichophyton. Costuma aparecer na região da virilha, devido à umidade da região, sendo mais comum em homens.

A infecção causa manchas assimétricas avermelhadas, coceira intensa, dor e descamação.

Falta de higiene

A coceira nas pernas também pode ser derivada da má higiene, o que não é uma doença, mas um mau hábito. A poeira e outras substâncias presentes no ar, quando em contato frequente com a pele podem causar irritação, sendo necessário fazer uma boa higienização das partes afetadas.

Como você viu, a coceira nas pernas pode surgir devido a inúmeras causas. Algumas são mais graves do que as outras, mas todas exigem diagnóstico precoce e tratamento adequado, especialmente porque a coceira é uma irritação bastante incômoda. Para mais informações, procure o seu médico.

O que você achou deste artigo?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

>
Rolar para cima
× Precisa de ajuda? Fale conosco! Available from 08:00 to 20:30