fbpx Gravidez e Varizes | Clínica Vascular SP
De volta ao topo

Gravidez e Varizes

Marque já sua consulta com o vascular

Gestação e varizes

Varizes podem acontecer a qualquer um, mas elas são especialmente comuns em mulheres grávidas. Estes vasos sanguíneos inchados, com protuberâncias próximas da superfície da pele, ocorrem mais comumente nas pernas, mas também podem aparecer em outros lugares, na parte inferior do corpo e até mesmo em seu reto e vulva. Para muitas mulheres grávidas, estas veias desagradáveis são desconfortáveis ou as fazem se sentir constrangidas, mas você não tem que viver com elas para sempre. Neste artigo, nós veremos as informações críticas as quais você precisa saber sobre gravidez e varizes.

Por que mulheres grávidas ficam com varizes?

As varizes ocorrem porque o sangue começa a acumular nas veias, conforme o sangue luta para desafiar a gravidade e retornar de volta ao coração. Em mulheres grávidas, conforme o útero aumenta de tamanho com o bebê, coloca mais pressão sobre a veia cava inferior, a veia longa que corre ao longo do lado direito do seu corpo. Esta, por sua vez, coloca mais pressão sobre as veias em suas pernas. Além disso, quando você está grávida, há um aumento do volume de sangue em seu corpo. Além de tudo isso, seus níveis de progesterona ficam mais elevados, o que faz com que as paredes dos vasos sanguíneos relaxem. Eis porque as varizes são um problema comum durante a gravidez. Muitas mulheres desenvolvem varizes pela primeira vez quando estão grávidas, ou se elas já têm varizes, o problema se agrava conforme sua gravidez progride.

Algumas mulheres são mais propensas a desenvolver varizes durante a gravidez do que outras por causa da genética. Se um membro da sua família tem varizes, é mais provável que você as tenha. Além disso, se as tiver, geralmente pioram após cada gravidez e com a idade. Você também é mais propensa a desenvolver varizes, se você estiver com sobrepeso ou obesidade, estiver carregando gêmeos ou múltiplos ou se fica de pé regularmente por longos períodos de tempo.

Prevenção

Se você está grávida e preocupada com o desenvolvimento das varizes, existem várias maneiras para que você consiga impedi-las ou retardá-las. Claro, há tanta coisa que você pode fazer sobre algumas das causas das varizes, mas se você tomar certas medidas, você poderá ser capaz de, pelo menos, minimizar seu impacto.

Durma do lado esquerdo

Como dito acima, as varizes durante a gravidez são comuns porque o útero pressiona contra a veia cava inferior, que está no lado direito do seu corpo. Você pode aliviar alguma pressão desta veia dormindo do seu lado esquerdo, facilitando o fluxo de sangue.

Exercício diário

Uma das melhores maneiras para que você possa reduzir suas chances de adquirir varizes durante a gravidez é se exercitar todos os dias. Exercitando-se, você melhora a circulação nas pernas, facilitando que o sangue retorne ao seu coração e seja menos propenso a estagnar em suas veias. Incorpore trinta minutos de exercício moderado em sua rotina diária. Melhore a musculatura da panturrilha.

Elevar as pernas

Você também pode ajudar a sua circulação ao elevar as pernas. A cada três horas, faça uma pausa para sentar e levantar as pernas acima do coração. Quando em pé, alterne em qual perna você coloca o seu peso e tente não cruzar as pernas.

Controle seu peso

Excesso de peso coloca mais pressão sobre suas veias, tente não ganhar muito peso extra durante a gravidez. É normal e saudável, muitas vezes ganhar peso durante a gravidez, mas tenha cuidado. Fale com seu médico sobre quanto peso você deve ganhar.

Ganho de peso normal na gestação

Meias de compressão

Meias de compressão são uma ferramenta que muitas vezes usamos em nossa clínica de veias para melhorar o fluxo sanguíneo. Existem meias projetadas especificamente para as mulheres grávidas. Se você precisa de meias de compressão, nós podemos indicar aquelas feitas especificamente para você.

Evite a constipação

A constipação é comum durante a gravidez, mas pode agravar as varizes, então, tome medidas para impedi-la. Beba muita água, coma alimentos ricos em fibras e evite consumir muito sal. Se você precisa tomar um laxante para causar alívio, saiba que são seguros para uso durante a gravidez, mas converse com seu médico se você estiver preocupada.

 

Tratamento

Na nossa clínica de veias realizamos vários procedimentos para tratar as varizes, incluindo escleroterapia e ablação a laser endovenoso. No entanto, a cirurgia de veia não é recomendada para mulheres grávidas. Em geral, as varizes irão melhorar alguns meses após o nascimento, porque o útero já não vai pressionar tanto a veia cava inferior. No entanto, se você ainda tiver varizes de três ou quatro meses depois de ter tido seu bebê, você pode considerar receber um tratamento venoso. Se você tiver dado à luz recentemente e estiver preocupada com suas varizes, venha para uma consulta. Nosso cirurgião vascular vai trabalhar com você para determinar o melhor método de tratamento para as varizes. Contate-nos hoje para saber mais!

 

Leia também:

 
Sem avaliações

Marque já sua consulta com o vascular

Autor

Prof. Dr. Alexandre Amato: Cirurgião Vascular em São Paulo

Prof. Dr. Alexandre Amato
Cirurgião Vascular, Endovascular e Ecodoppler
Tratamento de varizes com laser(11) 5053-2222
Tudo sobre varizes e doenças vasculares
www.vascular.pro
Clínica de Cirurgia Vascular: Tratamento de VarizesAv Brasil, 2283, São Paulo, SP
FacebookTwitterYoutubeLinkedin

 

Amato, ACM. Cirurgia Vascular: O que você não pode ignorar. 1ª. edição. 2017
Amato, ACM. Procedimentos Médicos: Técnica e Tática. 2ª edição. 2016. Roca 
Amato, MCM. Manual do Médico Generalista na era do conhecimento. 2014. Roca