fbpx

Trombose no braço

Trombose no braço
()

Você sabia que existe trombose no braço?

É muito comum ouvir falar de trombose ou trombose nas pernas, no entanto, é crucial ressaltar que também pode acontecer no braço.

Por esse motivo, nesse post vamos falar sobre trombose no braço.

Confira abaixo tudo o que você precisa saber e as principais dúvidas sobre trombose profunda no braço.

Trombose no braço.

A trombose profunda no braço ou mais abreviada, trombose no braço pode ocorrer.

Apesar de ser mais comum se falar de trombose nas pernas, não é impossível que ocorra também nos braços.

Em primeiro lugar é valoroso saber o que é trombose, já que independente de ser no braço ou nas pernas o problema primário é igual.

A trombose é a formação de coágulos no interior venoso, bloqueando a circulação do sangue que retorna para o coração.

No braço, pode causar sintomas como dor, um inchaço considerável, vermelhidão e dificuldade de mexer os músculos.

Além disso, as veias do braço e do ombro podem ficar mais saltadas e aparentes.

YouTube video

 

Causas.

O que pode causar a trombose no braço?

Geralmente, as principais causas de trombose profunda nos membros superiores são:

trombofilia é causada pela deficiência na ação das enzimas e proteínas que realizam a coagulação do sangue.

Essa deficiência ou mau funcionamento das enzimas podem ocorrer por dois motivos: hereditárias ou adquiridas.

No caso das adquiridas os motivos podem ser câncer, gravidez, obesidade e uso de alguns medicamentos, por exemplo, os anticoncepcionais.

YouTube video

 

  • Cateter em tratamento de quimioterapia.

Entre 20 a 30% dos casos de trombose ocorrem devido aos diversos tipos de câncer, o risco de desenvolver trombose nesse caso é 7 vezes maior.

A trombose de membros superiores se tornou mais comum devido ao aumento do uso de cateteres venosos centrais.

Isso ocorre porque a própria punção já representa uma agressão ao vaso.

Além disso, o medicamento infundido é capaz de lesar a parede da veia.

  • Síndrome do andador de ônibus / Síndrome de Paget Schroetter.

A síndrome do andador de (bonde) ônibus ou síndrome de Paget Schroetter é também conhecida como trombose por esforço.

É uma trombose primária da veia axilar ou subclávia.

É mais comum em quem faz o esforço repetitivo do braço, por exemplo, tenistas, lutadores e levantadores de peso.

O esforço repetitivo, compressões por estrutura ósseas, ligamentares e musculares podem levar a obstrução do fluxo venoso e trombose das veias dos membros superiores.

Pode estar associado à síndrome do desfiladeiro e compressões extrínsecas.

Trombose superficial.

Além da trombose profunda, existe a trombose superficial.

A trombose superficial é conhecida também como tromboflebite. Acontece quando a coagulação do sangue ocorre em uma veia superficial que provoca uma reação inflamatória da parede venosa e dos tecidos vizinhos.

A reação inflamatória pode ocorrer em graus variados e não acomete o sistema venoso profundo. É mais frequente ao receber alguma medicação na veia que seja irritante para a parede venosa.

Além disso, comparada a trombose venosa profunda, a tromboflebite tem menos chances de complicações graves e a evolução do quadro é muito mais favorável.

No entanto, é crucial ressaltar que o diagnóstico precoce e correto é indispensável para que o quadro não evolua para uma trombose venosa profunda.

YouTube video

 

Diagnóstico.

O diagnóstico pode ser feito por um cirurgião vascular ou angiologista.

Porém, é valoroso esclarecer que apesar de o diagnóstico poder ser feito por ambos os profissionais, o tratamento por meio de cirurgia vascular só é feito pelo cirurgião vascular.

Além dos sintomas apresentados pelo paciente, alguns exames também podem ser úteis para o diagnóstico.

Tratamento de trombose no braço.

O tratamento de trombose no braço pode ser feito de duas formas, com medicamentos ou cirurgia.

Geralmente, o tratamento é feito com medicamentos, já que o tratamento cirúrgico só é necessário em raros casos.

Por exemplo, nos casos de trombose no braço muito extensa ou centralizada.

O tratamento com medicamentos é feito com anticoagulantes, que são usados para impedir a formação de coágulos e tratar os coágulos existentes.

Além disso, existem anticoagulantes de dois tipos, os injetáveis e os orais.

Ambos podem ser usados no tratamento, o médico irá indicar o melhor a depender do caso específico de cada paciente.

Por exemplo, geralmente em pacientes gestantes ou que estejam internados, são usados os anticoagulantes injetáveis.

Para finalizar, o período de tratamento pode variar de pessoa para pessoa e de cada caso.

Em alguns casos, o tratamento de trombose no braço pode durar meses ou até um período indefinido.

Podendo depender das causas dessa trombose nos braços e até de como o paciente responde ao tratamento.

Prof. Dr. Alexandre Amato

O que você achou deste artigo?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

>
Rolar para cima
error: Alert: Content selection is disabled!!
× Precisa de ajuda? Fale conosco! Available from 08:00 to 20:30