Dermatite Ocre: Entendendo as Causas e Explorando as Opções de Tratamento

A dermatite ocre é uma condição inflamatória da pele, comumente afetando a parte inferior das pernas. Caracterizada por manchas amarronzadas, avermelhadas ou arroxeadas, essa condição pode levar a uma pele espessa, coceira e, em alguns casos, feridas abertas. Entender as causas e as opções de tratamento é essencial para controlar essa condição.

Sumário

Dr. Alexandre Amato, um cirurgião vascular do Instituto Amato, discutiu a dermatite ocre, uma complicação das varizes que se apresenta como manchas nas pernas. Essa condição é o resultado de hipertensão venosa prolongada e aparece principalmente na fase intermediária ou final da doença. Ela pode ser esteticamente perturbadora, mas deve ser tratada primeiro tratando a causa subjacente, a insuficiência venosa. Tratar a mancha sem tratar a causa resultará no retorno da condição, possivelmente de forma pior. O tratamento pode envolver a abordagem de uma veia safena doente ou ineficiências no sistema venoso profundo. Depois que a causa for tratada, a mancha em si pode ser tratada com medicações, peelings, luz intensa pulsada ou laser.

Olá sou o Dr. Alexandre Amato cirurgião vascular do Instituto Amato e hoje vou falar sobre uma das complicações das varizes que é a dermatite ocre. A dermatite ocre nada mais é do que manchas nas pernas decorrente da hipertensão venosa por um longo período. Então não é uma complicação que aparece no início da doença mas sim do meio para o final. A dermatite ocre muitas vezes incomoda esteticamente porque são manchas escuras que aparecem normalmente abaixo do joelho no tornozelo e muitas vezes por ser uma única apresentação da doença. Essa pessoa pode ser a causa da consulta então vai buscar o tratamento da Mancha na perna. Em primeiro lugar tem que descartar as outras causas de manchas na pele. Existem desde medicações e outras doenças mas sendo a insuficiência venosa a causa principal. O que tem que ser feito inicialmente é o tratamento da causa. Não adianta tratar a mancha e deixar a causa agindo senão primeiro o que vai piorar com o tempo. Se você faz o tratamento da Mancha e deixa a causa lá a mancha vai voltar muitas vezes volta pior. Então o tratamento da causa da insuficiência venosa muitas vezes se tratar uma safena doente. Tratar uma insuficiência do sistema venoso profundo possivelmente decorrente de uma tromboflebite ou alguma coisa desse tipo. Então tratar a causa com um cirurgião vascular antes e depois tratar a mancha. Sim existe tratamento para a mancha da dermatite ocre. São vários desde o tratamento clínico com medicações tratamento tópico creme, peelings. O tratamento com luz intensa pulsada um equipamento que emite uma luz muito forte e ajuda a quebrar esse pigmento e até o último grau do tratamento que é o uso do laser. Então existe um equipamento de laser apropriado para a quebra desse desse pigmento. Então existem vários tratamentos. Existe uma sequência a ser seguida muitas vezes com o tratamento da causa. Já ocorre uma melhora significativa dessa mancha pelo menos aparentemente uma pequena melhora pode ajudar pode ser o suficiente para deixar o paciente feliz e depois para terminar é necessário fazer um tratamento clínico da Mancha com a causa já tratada. Gosta dos nossos vídeos. Curta compartilhe em nosso canal assine as notificações clicando no Sininho ali embaixo. Se você já tiver inscrito no canal que você vai receber os nossos vídeos assim que eles forem publicados. Muito obrigado. Até a próxima.

 

Causas da Dermatite Ocre

A principal causa da dermatite ocre é o mau funcionamento das veias, especificamente em casos de varizes avançadas. Isso resulta em:

     

      • Acúmulo de sangue na parte inferior da perna;

      • Aumento da pressão local;

      • Extravasamento de sangue para a pele;

      • Acúmulo de hemossiderina, um pigmento rico em ferro, que leva à coloração amarronzada da pele.

    Outros fatores que podem contribuir incluem excesso de peso, trombose venosa nos membros inferiores ou outras doenças vasculares.

    Sintomas Associados

    A dermatite ocre é um indicativo de condições subjacentes. Sintomas associados podem incluir:

       

        • Vermelhidão, calor e rigidez na pele e musculatura.

      Esses sintomas são sinais de alerta e, ao percebê-los, é crucial buscar avaliação médica.

      Diagnóstico da Dermatite Ocre

      Geralmente, o diagnóstico é feito por meio de exame clínico. Entretanto, exames complementares, como análises sanguíneas e ecodoppler, podem ser necessários para descartar outras condições, como a trombose venosa.

      Tratamento da Dermatite Ocre

      Embora as manchas causadas pela dermatite ocre sejam difíceis de reverter, o tratamento pode amenizar os sintomas e prevenir o agravamento. As opções incluem:

         

          • Cremes prescritos por médicos.

        Além disso, tratar a causa subjacente, como varizes, é fundamental. O tratamento das varizes varia conforme o estágio da doença e a saúde geral do paciente.

        Prevenção: O Melhor Caminho

        A prevenção é a chave para evitar o agravamento da dermatite ocre. Se você tem varizes ou outras condições que afetam o sistema circulatório, não espere que o problema se agrave. Procure um especialista para orientações e tratamento adequado.

        Conclusão

        A dermatite ocre é um problema circulatório que requer atenção especializada. Compreender suas causas e buscar tratamento apropriado é vital para controlar seus sintomas e evitar complicações. Lembre-se de que, em questões de saúde, a prevenção e o cuidado precoce são sempre as melhores abordagens.

        >
        Rolar para cima
        error: Alert: Content selection is disabled!!