Alimentação e Varizes: Estratégias para Alívio e Prevenção

As varizes, aqueles incômodos vasos dilatados e tortuosos, são uma preocupação comum para muitas pessoas. A conexão entre alimentação e varizes, embora não seja uma solução definitiva para a condição, pode oferecer alívio e prevenção. Neste artigo, vamos explorar como certos alimentos podem influenciar a saúde venosa.

Dr. Alexandre Amato, cirurgião vascular, discute sobre alimentos que podem ajudar no combate às varizes. Pontos principais:

Natureza das Varizes: Causadas por danos nas válvulas venosas, não há tratamentos alimentares que restaurem estas válvulas. Obesidade pode agravar varizes, portanto, a alimentação pode influenciar na sua progressão.

Dieta e Varizes: Poucos estudos científicos específicos sobre dieta e varizes. A abordagem é inferencial, baseada em princípios de alimentação saudável e manutenção do peso.

Alimentos Recomendados:
Hidratação: Água é crucial para o funcionamento do sistema circulatório e para evitar constipação.
Ricos em Fibras: Como maçã, pera, linhaça, chia, vegetais.
Frutas Cítricas e Bioflavonóides: Laranja, limão, tangerina.
Antioxidantes e Anti-inflamatórios: Frutas vermelhas, cúrcuma, cacau.
Peixes Gordurosos: Fontes de ômega 3, como atum e salmão.
Ricos em Vitamina C: Acerola, goiaba.
Ricos em Glutationa: Abacate.
Ricos em Potássio: Banana, chuchu, batata, tomate, espinafre.

Alimentos a Evitar:
Sal: Pode causar retenção de líquidos.
Alimentos Processados: Pobres em fibras, ricos em sal e açúcar.
Álcool: Causa desidratação e inflamação.
Açúcar Refinado: Inflamatório e contribui para a obesidade.
Alimentos Pobres em Fibras.
Cafeína em Excesso: Efeito diurético.

Abordagem Geral: Não existe cura para varizes apenas pela dieta. É importante adotar um estilo de vida saudável que inclui exercícios físicos e boa hidratação.

Olá, sou Doutor Alexandre Amato, cirurgião vascular do Instituto Amato, e hoje eu vou falar sobre os alimentos que ajudam a combater as varizes. Eu tenho um vídeo antigo, eu fui ver aqui no canal, tem uns três anos, quase, que eu falei sobre dieta para varizes e eu acho que o canal evoluiu bastante. Aqui, eu posso fazer um outro vídeo sobre o assunto até sem ser muito repetitivo.

Então, em primeiro lugar, eu tenho que lembrar que as varizes são causadas por aquele dano na válvula que direciona o fluxo venoso, o fluxo do sangue, e não tem nenhum tratamento que a gente faça ou comida que a gente coma ou suplemento que a gente adicione que vá restabelecer a função dessa válvula. Mas, alimentação tá muito relacionada com a piora da doença, principalmente se você exagerar e acabar ganhando aí muito peso. A obesidade é fator de piora das varizes, então a gente pode olhar a alimentação como uma busca por uma alimentação saudável e alguns alimentos que podem ter um outro efeito mais específico aí para as varizes.

Infelizmente, esse é um assunto que é pouco estudado na literatura. Assim, eu tentei levantar um monte de trabalho científico e não encontrei quase nada. Realmente são trabalhos feitos in vitro, ou seja, não foram trabalhos com pessoas. Ou foi feito com animal, mas a gente sabe por inferência acredita que isso vai acontecer porque teoricamente deveria ser assim. Agora, realmente, alguém comer alguma coisa e fazer um trabalho grande para ver se esse alimento fez uma diferença grande nas varizes, não existe nenhum.

Então, siga a corrente do bem, pega o link lá em cima, manda esse vídeo para os seus familiares, para aquelas pessoas que você gosta, porque eu vou dar muita informação útil.

Para então falando das varizes, as varizes podem ocorrer por uma questão genética, então é hereditário. As pessoas nascem já com essa propensão a ter ou não ter varizes, na grande maioria dos casos. Existem algumas pessoas que têm alguma outra doença que acaba levando a formação das varizes, que aí seria a síndrome pós-trombótica. Então tem uma trombose e essa trombose que causa o dano valvular ou uma fístula artéria-venosa. Agora, o mais frequente é o hereditário. Sendo hereditário, não vai ter alimento que você come que causa varizes ou alimento que você come que trata varizes. Não é assim que funciona. É o seu gene que vai direcionar você para ter ou não ter varizes. O alimento, ele pode piorar ou melhorar essa situação, aumentar o risco ou diminuir o risco de desenvolver mais ou menos varizes. É que a alimentação vai influenciar na insuficiência venosa. Então, aquelas varizes, aqueles vasinhos que te incomodam esteticamente, que você não vai na praia, não usam shorts por causa disso, já é o início da insuficiência venosa, já é a doença, pode não ter nenhum impacto grande na sua saúde, mas já é doença. Então eu sugiro o acompanhamento com cirurgião vascular.

Então, algo que tá bem estabelecido já é a obesidade como fator de piora das varizes. Então a gente tem que evitar o ganho de peso, manter um peso saudável para que não haja uma piora não só dos sintomas, que seriam peso, cansaço, dor, inchaço no final do dia, mas também da dilatação das veias. Então, a dieta direcionada para evitar a obesidade.

Mas, um outro aspecto é a constipação. A constipação tem lá uma teoria antiga de que o aumento da força da pressão abdominal para ir ao banheiro também aumentaria a pressão dentro dessas veias, aumentando a pressão do sangue dentro dessas veias, empurraria a parede venosa e ao empurrar a parede venosa acabaria causando essa dilatação e o dano na válvula. Se é difícil de comprovar, os trabalhos são bem difíceis de bater o martelo aí, chegar numa conclusão. Então, são resultados mistos, mas a constipação não é boa para ninguém, por nenhuma razão. Então a gente pode combater isso, quando a gente pensa na alimentação para varizes.

Então, primeiro aspecto alimentar que eu preciso falar e deixar bem claro aqui, é a hidratação. Tomar bastante água é incrível como as pessoas estão desidratadas hoje em dia e a desidratação aumenta a viscosidades sanguínea. A desidratação também traz vários outros problemas metabólicos. A gente precisa de água para que nosso sistema circulatório funcione bem. Mas não só isso, lembra que eu acabei de falar da constipação, a gente precisa de água para não ficar constipado. Então, a água é fundamental em todo o processo de tratamento não só de varizes, como de vários outros problemas de saúde.

Pensando na constipação, é muito importante os alimentos ricos em fibras. Então, quais são os alimentos ricos em fibras? Então, tem várias frutas ricas em fibras, maçã, pera, vários grãos, linhaça, chia, vegetais, brócolis, couve-flor. Então todos esses que são ricos em fibras, eles vão ajudar a evitar essa constipação. Só que a gente precisa da fibra junto com bastante líquido, com bastante água, senão você pode até piorar a constipação.

As frutas cítricas também ajudam bastante. As frutas cítricas são ricas em bioflavonóides, então laranja, limão, tangerina, todas essas que são ricas em bioflavo em vitamina C, ajudam.

Agora, ah, mas a fruta é capaz de fazer tudo isso? Eu queria falar de um medicamento que é vendido no e usado, edita e engadline de tratamento médico que é a Hesperidina. Por exemplo, a Hesperidina, você lê esse nome e fala, “É um produto químico, feito por laboratório malvado.” Não, não é. A Hesperidina ela é extraída da casca das laranjas, ele é um composto natural utilizado no tratamento venoso. Agora, por que não usar as frutas em natura? Isso também ajuda.

Outros alimentos que podem ajudar são os alimentos ricos em antioxidantes, os alimentos anti-inflamatórios, né. Os alimentos ricos em antioxidantes, por exemplo, as frutas vermelhas, né, mirtilo, morango, cereja, todos esses têm bastante antioxidante e vão combater a inflamação. A cúrcuma também. Eu tenho um vídeo inteiro falando da cúrcuma.

O cacau, o cacau puro, né. Eu não tô falando do chocolate cheio de açúcar ou de leite. O cacau também é muito rico em bioflavonóide.

Os peixes gordurosos são outros que podem ajudar bastante. Então, por que? Porque eles são ricos em ômega 3. Então, quais são eles? Atum, salmão, cavala. Não é esse salmão que a gente come aí no restaurante japonês, que é truta salmonada. Seria o salmão de águas frias. Então, muitas vezes, a gente acaba tendo que repor ômega 3 de alguma forma. Eu também tenho um vídeo inteiro falando de ômega 3 aqui no canal.

Então, que eu já falei os alimentos ricos em vitamina C, né, então que o ia acerola, goiaba, todos esses ajudam. Os ricos em glutationa também, como o abacate, por exemplo.

Agora, quando a gente tem um baixo nível de potássio no nosso corpo, a gente pode acabar enchendo além do líquido. Então, os alimentos ricos em potássio podem ajudar, e quais são eles? Por exemplo, a banana, o Chuchu, batata, tomate, espinafre, tudo isso aumenta, nem que muito discretamente, a volemia. A gente acaba retendo o líquido na quantidade que a gente precisa para não ter o inchaço.

Agora, quais são os alimentos que você tem que evitar para combater as varizes? Então, primeiro deles, eu vou falar do sal. Consumir muito sal acaba retendo líquido e esse líquido pode se aumentar demais a volemia, acabar despendendo o sistema venoso que é um sistema complacente.

Evitar os alimentos processados. Os alimentos processados são pobres em fibras, ricos em sal, ricos em açúcar, tudo isso que faz mal, né. Então, abrir menos saquinho e ir mais à feira.

O álcool, como bebida, ele pode causar desidratação, afinal ele é um diurético. Ele vai fazer o rim funcionar um pouquinho mais e ele pode causar inflamação e causa vasodilatação também. Tudo isso é o que a gente não quer no tratamento das varizes, então, evitar o álcool é bem importante.

Consumir muito açúcar pode aumentar o peso, né, pode ganhar obesidade e acabar piorando as varizes. Só que o açúcar também por si só já é um alimento inflamatório. Então a gente tem que tirar os açúcares refinados da nossa alimentação.

Evitar os alimentos pobres em fibras, né. Eu vejo muita gente também tirando a casca da maçã, tirando a casca da batata, tirando um monte de casca que de fibra e comendo o que não tem fibra. Então a gente tem que buscar os alimentos com fibra e evitar os alimentos que têm pouca fibra.

Agora, com relação a cafeína, né, o café, a cafeína, tem um vídeo inteiro falando do café, que eu também falo da relação com varizes, mas eu queria falar um aspecto bem pontual aqui. Não, a cafeína, se ingerida em excesso, ela pode ter um efeito diurético. Então, que acaba colocando mais líquido para fora do que do que deveria e a gente tem que evitar isso.

Agora, eu queria deixar bem claro que não existe a cura das varizes pela dieta. Não tem nenhum alimento que, isoladamente, vai mudar a evolução da doença. O que é importante é a somatória de tudo junto com hábitos de vida saudáveis, que aí entra tudo que eu vivo falando: exercício físico, hidratação e tudo mais. Então, mudança de hábitos fazem parte e dentro desses hábitos tem a escolha melhor do dos alimentos. Faz parte desse processo para melhorar e ajudar no tratamento das varizes.

Gostou do nosso vídeo? Inscreva-se no nosso canal, compartilha com seus amigos e fica aí, que eu vou colocar o próximo melhor vídeo para você assistir.

Causas e Fatores de Risco das Varizes

É importante entender que as varizes são frequentemente resultantes de fatores genéticos, e não existe uma dieta que possa prevenir ou curar totalmente essa condição. No entanto, fatores de estilo de vida, como obesidade e sedentarismo, podem agravar o problema.

Alimentos Benéficos

  1. Hidratação: Beber água suficiente é essencial para a saúde venosa. A desidratação pode aumentar a viscosidade do sangue, afetando a circulação.

  2. Fibras: Alimentos ricos em fibras, como frutas (maçã, pera), grãos (linhaça, chia) e vegetais (brócolis, couve-flor), ajudam a evitar a constipação, o que pode aliviar a pressão sobre as veias.

  3. Frutas Cítricas e Bioflavonoides: Laranja, limão e tangerina são ricos em vitamina C e bioflavonoides, que podem fortalecer as paredes das veias.

  4. Alimentos Antioxidantes e Anti-inflamatórios: Frutas vermelhas, cúrcuma e cacau puro contêm antioxidantes que combatem a inflamação, um fator nas varizes.

  5. Peixes Gordurosos: Fontes de ômega-3, como atum, salmão e cavala, podem ser benéficos para a saúde vascular.

  6. Alimentos Ricos em Potássio: Banana, chuchu, batata e espinafre podem ajudar a equilibrar os níveis de fluidos no corpo, reduzindo o inchaço.

Alimentos a Evitar

  1. Sal e Alimentos Processados: Estes podem aumentar a retenção de líquidos e pressão nas veias.

  2. Álcool: Pode causar desidratação e inflamação, afetando negativamente as veias.

  3. Açúcares Refinados: Além de contribuir para o ganho de peso, são inflamatórios.

  4. Cafeína em Excesso: Pode ter um efeito diurético, aumentando a pressão sobre as veias.

Conclusão

Enquanto a alimentação por si só não cura as varizes, uma dieta balanceada, rica em nutrientes específicos, pode ajudar a aliviar os sintomas e reduzir a progressão da doença. É essencial lembrar que a saúde venosa também depende de um estilo de vida ativo e hábitos saudáveis.

>
Rolar para cima
error: Alert: Content selection is disabled!!