Exercícios para pés inchados

pés inchados - Pés inchados

Conheça os benefícios dos exercícios para pés inchados, quais fazer e algumas causas.

Se você sofre com pés inchados, alguns exercícios podem te ajudar a desinchar os pés.

Confira abaixo quais são.

Sumário

Escrevi o Livro: “Método de Exercícios para o Lipedema” para portadores de pés e tornozelos inchados por causa do lipedema.

Kit 5 Faixas Elasticas Mini Band Exercicios em Casa Extensor Academia Yoga Pilates Fitness Crossfit
11 Peças Elástico Extensor Exercicio Funcional Até 100 libras Kit Elástico Extensor Treinamento Pilates Exercícios Academia Acessórios
Punch Tornozeleira Unissex, Preto, 1 Kg
Kit 5 Faixas Elasticas Mini Band Exercicios em Casa Extensor Academia Yoga Pilates Fitness Crossfit
11 Peças Elástico Extensor Exercicio Funcional Até 100 libras Kit Elástico Extensor Treinamento Pilates Exercícios Academia Acessórios
Punch Tornozeleira Unissex, Preto, 1 Kg
R$ 14,12
R$ 24,99
R$ 39,60
-
-
-
Kit 5 Faixas Elasticas Mini Band Exercicios em Casa Extensor Academia Yoga Pilates Fitness Crossfit
Kit 5 Faixas Elasticas Mini Band Exercicios em Casa Extensor Academia Yoga Pilates Fitness Crossfit
R$ 14,12
-
11 Peças Elástico Extensor Exercicio Funcional Até 100 libras Kit Elástico Extensor Treinamento Pilates Exercícios Academia Acessórios
11 Peças Elástico Extensor Exercicio Funcional Até 100 libras Kit Elástico Extensor Treinamento Pilates Exercícios Academia Acessórios
R$ 24,99
-
Punch Tornozeleira Unissex, Preto, 1 Kg
Punch Tornozeleira Unissex, Preto, 1 Kg
R$ 39,60
-

Exercícios para pés inchados

Esses são alguns exercícios para pés inchados que você pode fazer.

Exercícios para fazer fora d’água e outros na água.

  • Andar de bicicleta

Pode ser a bicicleta tradicional ou a ergométrica, andar de bicicleta ajuda no bombeamento do sangue devido a grande contração muscular.

Além disso, o movimento das articulações dos pés e pernas auxilia na redução do inchaço dos pés.

  • Caminhada

O ideal é que a caminhada seja de 40 minutos por dia para conseguir sentir seus benefícios.

A caminhada ajuda a melhorar a oxigenação do corpo.

  • Alongamento

Fazer uma sequência de exercícios de alongamento é excelente para pés inchados, já que esse exercício beneficia a circulação sanguínea e o retorno venoso.

  • Musculação

Musculação é mais um dos exercícios para pés inchados que promove um aumento na circulação sanguínea e ajuda a melhorar o retorno venoso.

  • Natação

A natação é um dos melhores exercícios na água.

É um exercício que trabalha músculos e articulações do corpo todo.

Como resultado, proporciona uma melhora do bombeamento sanguíneo desde o coração periférico, representado pela musculatura da panturrilha até o coração central.

  • Hidroginástica

Outro exercício considerado um dos melhores exercícios na água é a hidroginástica.

Assim como na natação, esse exercício melhora o bombeamento sanguíneo, principalmente na panturrilha, que já vimos que é a área do coração periférico.

Na dúvida do que pode fazer de exercício se tem varizes? 14 dicas para exercícios O Dr. Alexandre Amato, cirurgião vascular do Instituto Amato (www.amato.com.br) explica as melhores dicas para doença venosa e exercício. Se quiser saber quais são os exercícios proibidos para varizes, veja esse video: https://youtu.be/vptLOWxPoTg

Olá! Eu sou o Dr. Alexandre Amato cirurgião vascular do Instituto Amato.  E seguindo a nossa sequência de exercícios para doenças vasculares, eu vou falar sobre os  exercícios para varizes.  Então, o que você precisa saber sobre os exercícios? Se eles podem causar varizes?   Quais são os exercícios piores? Quais são os exercícios melhores? E eu vou dar também 14  dicas para você seguir sobre os exercícios relacionados com varizes.  A primeira coisa importante que você precisa saber é sobre as vantagens dos exercícios  para as varizes.  Então os exercícios eles vão manter principalmente a tonificação, a musculatura da  panturrilha que é chamado de coração periférico, o coração periférico que bombeia o  sangue de volta para o coração que faz o retorno venoso e que é essencial na nossa  circulação, então se você tem uma má circulação por causa de um problema venoso, um  refluxo venoso, varizes, é importante a realização de exercícios exatamente para  melhorar esse retorno venoso.  Essa melhora do retorno venoso vai diminuir a progressão da doença venosa e diminuir o  aparecimento de varizes, mas tem que entender que o exercício também age num contexto mais  amplo, vai diminuir uma possível obesidade que é um fator de risco de piora.  Então o exercício físico dentro dos hábitos de vida saudáveis vai evitar uma progressão  das varizes, mas também vai melhorar outros aspectos importantes, como o sobrepeso e  obesidade. É importante ficar claro que o que vai determinar a existência ou o  aparecimento de varizes não é o exercício físico, é a genética.  Então existem dois tipos de varizes, as primárias e secundárias.  Eu estou falando das varizes primárias, são mais frequentes e de forma genética.  Então o fato de fazer, não fazer exercício não vai influenciar em nada no aparecimento de  varizes para quem não tem a genética para isso.  Agora é uma doença extremamente prevalente.  Tem muita gente que tem essa genética e aí fica brincando com o fato de fazer ou não um  exercício ou fazer ou não um exercício.  Certo ou errado? Então, é importante conhecer o fator principal que é a genética e entender  que o exercício vai agir como piora ou melhora desse fator.  Então vamos seguir com 14 dicas para quem tem varizes e quer usar o exercício físico  para melhora das varizes e da qualidade de vida.  Em primeiro lugar é importante consultar o seu médico, a existência de comorbidades, um  exame físico é sempre importante.  Então às vezes você pode até saber que já tem a genética para isso, porque pai e mãe têm  varizes e já tem lá uma veia varicosa, é relativamente simples fazer o  diagnóstico de uma doença venosa aparente.  Agora existem as pessoas que têm a doença venosa, não aparente e isso é muito  importante. Em segundo lugar escute o seu corpo, o seu corpo fala com você.  Isso é muito importante.  Quem tem varizes ou não tem varizes e está fazendo exercício e sente dor.  Essa dor é o seu corpo falando alguma coisa está errado.  É bom investigar!  Às vezes você está fazendo exercício e sente que está piorando o aspecto das varizes, por  isso é importante o acompanhamento médico.  Muitas vezes o exercício vai fazer você perder esse canícula de pouso, aquela  gordurinha por cima que faz aparecer mais as. varizes que já estavam lá.  Ou você pode estar aumentando a pressão venosa de alguma forma que essas veias estão  ficando mais aparentes.  Então a ajuda médica pode ajudar a elucidar isso.  Em terceiro lugar faça um aquecimento prévio.  Isso é muito importante para evitar lesões musculares.  Essas lesões musculares vão te impossibilitar de seguir uma vida saudável.  Eu vejo muitas pessoas que entram num ritmo de exercício muito forte e que pode parecer  saudável e aí de repente têm uma lesão que põe um ponto final nesse ritmo que estava  super saudável.  Então por isso é importante ter um acompanhamento não só médico, mas um personal,  alguém que esteja direcionado a avaliar o seu exercício físico e não exagere.  Então o aquecimento é muito importante e não exagerar.  A quarta dica são as caminhadas. As caminhadas são exercícios super tranquilos,  ajudam demais melhoram a musculatura da panturrilha, estão à disposição de todo mundo.  Então as pessoas adoram reclamar “eu não consigo fazer isso”,  “remédio muito caro”,  “cirurgia muito cara”, mas aquilo que está na sua  porta acabam não fazendo. E a caminhada  pode ser feita numa esteira, pode ser feita na rua e traz benefícios  imensuráveis para sua saúde.  A quinta dica são as bicicletas.  Tanto faz bicicleta indoor, como a bicicleta ao ar livre.  A bicicleta em si ela fortalece bastante a panturrilha. E a panturrilha como eu já disse,  é o coração periférico.  Então a bicicleta costuma ser um exercício super seguro que traz vantagens para sua  circulação. A sexta dica são os exercícios na água.  Esses com certeza absoluta são os melhores para quem tem algum problema de circulação  venosa, então desde natação, hidroginástica, Acqua Cycling, entrar na água e  caminhar. A água traz tantos benefícios para o retorno venoso que coloca em primeiro lugar  como o melhor exercício, sem sombra de dúvidas. Então tem a pressão da água que  melhora o retorno venoso, tem o contato da água com a pele que melhora a drenagem  linfática, tem o aumento da diocese e tem a limitação que a própria água impõe a quem  está fazendo de não deixar exagerar.  Isso é bem interessante também.  A sétima dica é usar a panturrilha.  Então existem exercícios próprios para a panturrilha.  Um exercício bem simples é colocar o pé num degrau e levantar o próprio corpo.  De 10 a 15 vezes, fazer duas sessões disso é o suficiente para manter a tonificação do  músculo gastrocnêmico sólido que são os músculos principais da panturrilha.  Em oitavo lugar, eu sei que eu falo bastante da panturrilha, mas a gente não pode esquecer  dos outros músculos que também fazem parte do retorno venoso.  Então os músculos da coxa, a coxa é a região que mais tem músculos do nosso  corpo. Então a gente não pode ignorar.  Eu sei que tem muita gente que vai pra academia e foge ao máximo de fazer exercícios  de membros inferiores.  E a gente não pode esquecer da importância das coxas, então um exercício simples  para a coxa seria levantar e sentar da cadeira, então utilizando a musculatura da  coxa obviamente, fazer 10 a 15 vezes e repetindo duas vezes essas sessões. Em nono  lugar eu sugiro fazer um alongamento.  O alongamento ajuda a evitar essas lesões musculares que podem colocar um ponto final  temporariamente nos seus exercícios, então o alongamento, tanto antes, quanto depois dos  exercícios, aumentam a segurança do que você está fazendo. Em décimo lugar eu vou falar  para vocês não prenderem a respiração ou não prender a circulação. O que é isso?  Todos os exercícios que fazem a manobra de Valsalva.  Sabe quando a gente aumenta a pressão intra abdominal? Eles vão dificultar o retorno  venoso. Onde que acontece isso? Principalmente quando faz muita força   e prende a respiração.  Então esses exercícios podem dificultar esse retorno venoso, aumentando a pressão venosa e  para quem tem uma doença venosa pode ter essa dilatação das veias, mesmo que  momentaneamente e isso sendo feito de forma repetida pode piorar a sua situação. Em décimo  primeiro lugar, então eu colocaria o levantamento de peso, então não quer dizer que  o levantamento de peso é ruim por si, só isso vai aumentar a musculatura que também faz  bem. Agora pode aumentar dependendo da forma como você faz, pode aumentar bastante a  pressão intra venosa e piorar a circulação, por isso é importante fazer com  acompanhamento. Em décimo segundo lugar  eu queria lembrar que o exercício é apenas uma parte do tratamento das varizes.  A gente não pode colocar toda a solução nos exercícios físicos.  Eles são importantíssimos, mas o tratamento tem que ser feito por um profissional  habilitado. Muitas vezes pode ser necessário um elástico compressão ou uma meia elástica,  um medicamento e às vezes, até a cirurgia ou mesclar ou terapia. Em décimo terceiro lugar  eu sugiro alternar exercícios de alto impacto com exercícios de baixo impacto, como  ioga como pilates, como algum exercício na água.  Então se você só faz exercício de alto impacto, você não dá tempo para o seu corpo se  restabelecer, então é importante ter esse equilíbrio e vou finalizar com a décima  quarta dica que eu tenho certeza que era dúvida de todo mundo, se tem ou não que usar a  meia elástica durante o exercício físico. Então, primeiro vou falar do que é mais óbvio,  é o exercício físico na água.  Não faz sentido usar a meia elástica.  Mas não é que não faz sentido porque vai molhar a meia não.  E isso é porque a água faz exatamente o que a meia deveria fazer que é a compressão da  musculatura da veia e melhorando o retorno venoso.  Agora quem não tem doença venosa não faz sentido usar a meia elástica.  Eu sei que tem gente que vai usar para algum ganho milimétrico competitivo isso é bem  discutível, tem vários trabalhos mostrando que o benefício pode ser tão pequeno que não  vale a pena. Mas eu não vou entrar nesse mérito das pessoas que não têm varizes, mas  vou falar das pessoas que têm varizes e aí sim, podem ter um benefício nesse retorno  venoso com o uso da meia elástica durante o exercício físico.  Então obviamente tendo diagnóstico de varizes por um cirurgião vascular ou por um  médico competente e vai ter a indicação feita por ele do uso da meia elástica correta  no seu caso. Gostou do nosso vídeo? Inscreva-se no nosso canal, clica no sininho  para receber as notificações dos novos vídeos e até o próximo! 

Causas dos pés inchados

Acima você conferiu os melhores exercícios para pés inchados e seus benefícios.

No entanto, você sabe quais podem ser as causas dos pés incharem?

Na maioria das vezes, os pés inchados surgem após longas horas de viagem, na gravidez, em idosos, ao ficar muito tempo em pé ou sentada.

Repousar, beber bastante água e deixar as pernas para cima por alguns minutos pode aliviar o incômodo que é estar com os pés inchados.

Mas, se ainda assim persistir, o ideal é procurar um médico para te orientar sobre os melhores exercícios e tratamento para pés inchados no seu caso.

Já que, a persistência do incômodo e dos pés inchados pode ser a causa de uma doença vascular, sendo necessário exercícios e tratamentos adequados.

Possuimos três sistemas vasculares: o arterial, venoso e linfático. Portanto, um médico cirurgião vascular pode ser útil para te ajudar a identificar a causa do inchaço nos seus pés e qual melhor exercício para seu tratamento.

Além disso, outras possíveis causas do inchaço nos pés são: doenças renais, uso de alguns medicamentos, trombose, calor, inflamações, diabetes, coágulos de sangue, linfedema, menstruação, insuficiência cardíaca, traumas ou lesões.

Edema periférico é o nome que se dá ao inchaço das pernas, pé e tornozelo em decorrência do acúmulo de líquidos. O Dr. Alexandre Amato (CRM 108651), cirurgião vascular, explica no vídeo quais são as causas e os tratamentos mais indicados para o inchaço dos membros inferiores.

olá sou doutor alexandre amato  cirurgião vascular do instituto mato e  hoje nós vamos falar sobre inchaço ou  edema dos membros inferiores  o inchaço é um sintoma muito comum tenho  certeza que você está me ouvindo já  sentiu em algum momento inchaço nas  pernas  então é um sintoma que está muito  relacionado com as doenças vasculares  mas que pode ocorrer em outras doenças  também e até em situações que não são  doença mais relacionadas com o hábito de  vida então o edema ortostática por  exemplo o fato de ficar muito tempo  parado muito tempo de pé sem se mexer  isso pode causar o inchaço em qualquer  um  é só lembrar de uma viagem longa de  avião uma viagem longa de ônibus  tirou o sapato e depois não consegue  colocar o sapato de volta então esse é  um enxágue ortostática um edema porto  estático que não tem não está  relacionado com uma doença e que a  mudança do hábito de vida ou a situação  pode acabar melhorando as pessoas buscam  o cirurgião vascular com a queixa de  inchaço principalmente por causa da  trombose venosa profunda que é uma  doença grave que todo mundo já já ouviu  falar em os nossos vídeos falando de  trombose venosa e esse inchaço ele tem  que ser diagnosticado cedo e tratado  cedo para evitar as complicações mas  nesse meio entre uma inchação que não  está relacionado a uma doença  diretamente esse inchaço de uma doença  muito grave  existem várias outras causas desde  causas cardiológicos quando o coração  falha e não consegue trazer o sangue de  volta pra cima e tem o inchaço bilateral  até falha do sistema renal de filtração  também pode causar inchaço falha da da  quantidade de proteínas no nosso sangue  ou seja várias doenças de diversas  especialidades podem estar relacionadas  com o inchaço então a sugestão é quando  tiver um inchaço procure ou o clínico  geral com o intuito de buscar mais  amplamente todas as causas e assim será  direcionado ao cirurgião vascular  somente  a causa for relativo a um problema  vascular ou seja trombose venosa  profunda ou varizes mais frequentemente  ou procure direto o cirurgião vascular  que ele vai afastar as causas mais  graves e pode iniciar a pesquisa pra  outras causas desse inchaço  veja também os nossos outros vídeos nas  mídias sociais  estamos à disposição  [Música] 

Preste atenção aos sinais

Pés inchados podem ser sinal de que algo não está bem, então se seus pés incham com frequência fique alerta.

Anteriormente neste post foram citadas algumas causas que levam os pés a incharem, algumas não tem motivo para preocupação, por exemplo, depois de uma longa viagem.

Porém, se o inchaço é acompanhado de dores nos pés, vermelhidão intensa, dificuldade em se locomover, principalmente se durar mais de um dia, pode se tratar de sérias complicações. Procurar um médico o mais rápido possível é o ideal.

Maneiras de prevenir

Existem algumas formas de prevenir o inchaço nos pés além dos exercícios citados anteriormente.

Por exemplo, evitar ficar muito tempo na mesma posição, seja em pé ou sentado.

Se você trabalha sentado, tente fazer pequenas caminhadas ao longo do dia para garantir a boa circulação sanguínea.

Outra maneira de prevenir é elevar as pernas por alguns minutos antes de dormir.

Como resultado, favorece o retorno venoso.

Além disso, beber água, ter uma boa alimentação e evitar o consumo em excesso de sal são bons hábitos que ajudam a evitar o inchaço nos pés.

Outras maneiras de prevenir é evitando usar roupas apertadas, manter o peso sob controle, fazer tratamentos que ajudam a reduzir a retenção de líquido e ativam a circulação, como por exemplo a drenagem linfática.

Além de tratar varizes e vasinhos, aqui na vascular.pro você encontra a melhor equipe para tratá-las.

Dê uma atenção especial a panturrilha

A panturrilha é considerada nosso segundo coração, já que possui uma importante função na circulação sanguínea.

Sendo responsável por auxiliar o retorno do sangue que já circulou pelo corpo para o coração.

Esse é o sangue venoso, ou seja, a panturrilha é responsável pelo bom retorno venoso.

Por esse motivo, dê uma atenção especial a panturrilha fazendo massagens.

Acima de tudo, estimular a panturrilha movimentando os pés para cima e para baixo.

Ficar nas pontas dos pés e baixá-los, repetindo esse movimento por alguns minutos você estará estimulando a panturrilha e a boa circulação sanguínea da região até o coração central.

Além disso, é um excelente exercício para pés inchados que pode ser feito em casa.

 

Exercícios para quando estiver sentado à mesa

Mesmo quando confinados à mesa de trabalho por longas horas, existem várias opções de exercícios físicos que podem ser realizados para ajudar a manter a circulação ativa e aliviar o estresse muscular. Esticar os pulsos e tornozelos de tempos em tempos pode prevenir a sensação de rigidez. Além disso, exercícios isométricos, como contrair os glúteos ou abdominais por alguns segundos e depois relaxar, são ótimos para fortalecer os músculos sem necessidade de movimentos amplos. Elevações discretas dos calcanhares, mantendo as pontas dos pés no chão, podem também auxiliar na circulação das pernas. Incorporar essas pequenas atividades ao longo do dia não só contribui para a saúde física, mas também pode proporcionar pausas mentais revitalizantes durante jornadas de trabalho intensas.

Abaodam Pedal de exercício de mini passo para usar sob a mesa com degrau dobrável para os pés, fisioterapia, alivia varizes (rosa)
Minibicicleta ergonométrica portátil Wakeman
Exercitador de força de preensão, fortalecedor de preensão, treinador de força ajustável de silicone fitness para exercícios de força, liberação de estresse, equipamento de exercícios de mão
Meia Bola Ginástica Com Bomba Alças Pilates Yoga Step Suíça
Tornozeleira Caneleira de Peso Para Pernas Par 4 kg
Abaodam Pedal de exercício de mini passo para usar sob a mesa com degrau dobrável para os pés, fisioterapia, alivia varizes (rosa)
Minibicicleta ergonométrica portátil Wakeman
Exercitador de força de preensão, fortalecedor de preensão, treinador de força ajustável de silicone fitness para exercícios de força, liberação de estresse, equipamento de exercícios de mão
Meia Bola Ginástica Com Bomba Alças Pilates Yoga Step Suíça
Tornozeleira Caneleira de Peso Para Pernas Par 4 kg
Price not available
R$ 199,00
R$ 85,00
R$ 299,00
R$ 139,90
-
-
-
-
-
Abaodam Pedal de exercício de mini passo para usar sob a mesa com degrau dobrável para os pés, fisioterapia, alivia varizes (rosa)
Abaodam Pedal de exercício de mini passo para usar sob a mesa com degrau dobrável para os pés, fisioterapia, alivia varizes (rosa)
Price not available
-
Minibicicleta ergonométrica portátil Wakeman
Minibicicleta ergonométrica portátil Wakeman
R$ 199,00
-
Exercitador de força de preensão, fortalecedor de preensão, treinador de força ajustável de silicone fitness para exercícios de força, liberação de estresse, equipamento de exercícios de mão
Exercitador de força de preensão, fortalecedor de preensão, treinador de força ajustável de silicone fitness para exercícios de força, liberação de estresse, equipamento de exercícios de mão
R$ 85,00
-
Meia Bola Ginástica Com Bomba Alças Pilates Yoga Step Suíça
Meia Bola Ginástica Com Bomba Alças Pilates Yoga Step Suíça
R$ 299,00
-
Tornozeleira Caneleira de Peso Para Pernas Par 4 kg
Tornozeleira Caneleira de Peso Para Pernas Par 4 kg
R$ 139,90
-

Prof. Dr. Alexandre Amato

>
Rolar para cima